18.7 C
Espinho Municipality
Terça-feira, Agosto 16, 2022
spot_img

ÚLTIMAS

Voleibol de Praia > Beatriz/Nês 17ªs no Challenge de Espinho

A dupla portuguesa de Voleibol de Praia Beatriz Pinheiro/Inês Castro terminou hoje em 17.º lugar a sua participação no Beach Pro Tour Challenge de Espinho, competição de nível mundial que termina amanhã na Praia da Baía.

Para além de 180 preciosos pontos somados para o Ranking mundial FIVB, que as poderão ajudar a disputar mais vezes o Quadro Principal dos torneios Beach Pro Tour, as portuguesas, com a atitude demonstrada em campo e com a sua simpatia fora dele, conquistaram o afecto do público em Espinho, cidade que respira Voleibol.
Ganharam ainda mais experiência em competições de alto nível e confiança para enfrentarem com outra ambição as competições que disputam, como referiram, após terem perdido (0-2: 18-21 e 13-21) com a dupla finlandesa Taru Lahti-Liukkonen/Anniina Parkkinen, que tinha já afastado as campeãs portuguesas, Juliana Antunes/Tânia Oliveira, da prova no Qualifying.

“A forma como terminou o primeiro set acabou por ter alguma influência no desenrolar do jogo. Nós não entrámos assim tão bem no jogo, estávamos alguns pontinhos atrás, e houve ali aquele «click» em que nos conseguimos aproximar, mas no final do set deixámos fugir a vitória porque perdemos três pontos consecutivos.

Se calhar, se tivéssemos ganho o primeiro set, teríamos mais força e confiança para entrar no segundo set com outra determinação e o jogo poderia ter sido diferente.
No geral, estamos muito felizes com a nossa participação na competição. Sentimos que evoluímos bastante de jogo para jogo… Soube a pouco, é verdade, foram alguns momentos, mas estamos a trabalhar para sermos cada vez melhores e agora temos de preparar o Campeonato Nacional para sermos campeãs nacionais!

Não temos dúvidas que para o Voleibol português, em particular, e para o nosso País, em geral, é óptimo haver este tipo de competições aqui, principalmente em Espinho, uma cidade que adora Voleibol, pois cria-se sempre um ambiente incrível, como se viu, por exemplo, ontem no nosso jogo com a dupla paraguaia” – Beatriz Pinheiro/Inês Castro.

foto: DR / fpvoleibol.pt

PEDROSA/CAMPOS NÃO CONSEGUIRAM SEGUIR EM FRENTE
João Nuno Pedrosa e Hugo Campos começaram por defrontar, na Pool F, os dinamarqueses Jacob Brinck e Kristoffer Abell, que subiram ao pódio no Future de Lecce, em Itália.
O jogo, empolgante e que encheu as bancadas, misturou jogadas espectaculares com algumas polémicas, acabando a vitória por sorrir à dupla viking por 2-1 (21-15, 13-21 e 15-10), o que relegou os portugueses para a luta entre perdedores, onde encontraram os austríacos Martin Ermacora e Moritz Pristauz, 9.ºs no Elite 16 de Gstaad, na Suíça.
A experiente dupla helvética não deixou fugir o triunfo: 2-0 (21-18 e 21-8).

No final, os portugueses reconheceram:
“Foi uma pena perdermos em casa com o apoio do nosso público. O primeiro set foi bem disputado e foi decidido nos pormenores. No segundo set, entrámos mal, eles ganharam confiança e foi muito mais complicado para nós. No entanto, cremos que foi um bom torneio para nós. Gostaríamos de agradecer a todos aqueles que vieram até Espinho apoiar-nos. Acreditem que vocês fizeram-se ouvir e se conseguimos alguma coisa foi pelo vosso apoio. Obrigado!”

in: fpvoleibol.pt

FOTOS 15 JULHO 2022

Latest Posts

spot_imgspot_img

NÃO DEIXE DE VER

EspinhoTV

GRÁTIS
BAIXAR