FIME encerra com grande concerto sinfónico na Praça do Município

FIME encerra com grande concerto sinfónico na Praça do Município
McDonalds_530x80_baixonoticia
McDonalds_530x80_baixonoticia

O Festival Internacional de Música de Espinho chega ao último fim-de-semana com uma série de três concertos que culminam no espectáculo deste sábado com Yamandú Costa & Orquestra Clássica de Espinho, em frente à Câmara Municipal.

A cumprir a tradição, este sábado o grande concerto de encerramento do Festival Internacional de Música de Espinho (FME) acontece na Praça Dr. José Salvador, pelas 22h00. A 45.ª edição termina com a Orquestra Clássica de Espinho e o extraordinário guitarrista Yamandú Costa, com direcção musical de Jan Wierzba.

Yamandú é um dos expoentes máximos do violão de sete cordas, um instrumento que se tem vindo a revelar muito importante na música popular brasileira, sobretudo no que diz respeito ao choro e ao samba. O artista é também responsável pela projecção para níveis de virtuosismo impressionantes deste tipo de violão.

A estreia na Península Ibérica do Concerto Fronteira, uma obra de Yamandú que lhe tem granjeado os elogios da crítica internacional, marca este momento que se associa ainda à comemoração dos 120 anos da elevação de Espinho a Concelho.

Mas, a programação deste último fim-de-semana arranca já na quinta-feira com o Planetário do Centro Multimeios a ser palco de uma viagem em que a música interpretada ao vivo e a projecção de imagens do espaço marcam o 50.º aniversário da chegado do Homem à Lua. O público é convidado a entrar num caleidoscópio imersivo em que a música de Steve Reich interpretada pelo Espinho EPME Ensemble se fundirá com projecções programadas ou em tempo real, criando uma experiência singular.

Na sexta-feira, três grandes referências do jazz internacional – Danilo Pérez (piano), Avishai Cohen (trompete) e Chris Potter (saxofone) – juntam-se em quinteto com Larry Grenadier (contrabaixo) e Jonathan Blake (bateria), para aquele que será um dos momentos mais marcantes desta edição do FIME, com lotação esgotada há semanas.

Depois de 17 eventos em 5 fins-de-semanas, chega assim ao fim a 45.ª edição do Festival Internacional de Música de Espinho, um dos mais antigos festivais de música erudita e jazz do país.

Artigos Relacionados