Visionarium traz projeto europeu sobre Indústria 4.0 para Espinho

O Visionarium, em colaboração com a Associação de Desenvolvimento Cultural de Espinho (ADCE) e a Câmara Municipal de Espinho, garantiu, junto de jovens Espinhenses do terceiro ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário, na sede da ADCE, a implementação do projeto Factories 4 Kids, dinamizado pelo laboratório Digi2 da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP). Este projeto integra a iniciativa Shaping, também promovida pelo Digi2 e financiada pelo projeto EIT Manufacturing, cujo objetivo é criar momentos de contacto do público em idade escolar com as tecnologias e metodologias de trabalho utilizadas na Indústria 4.0, com esta iteração tendo especial foco na impressão 3D, internet das coisas, automação e robótica.
Através de atividades lúdicas e da utilização de um contexto familiar ao público-alvo, o projeto pretende despertar o interesse para carreiras STEAM (Ciência, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática), em particular no sexo feminino, quebrando assim preconceções de género em relação a estas carreiras. Nestes dias, os alunos aprenderam a programar uma placa de circuitos para fazer mover um veículo automatizado, operaram e deram instruções a um braço mecânico para que este recolhesse e transportasse os ingredientes e descobriram como a impressão 3D pode ser utilizada em ambientes industriais.
O Visionarium, em colaboração com a Câmara Municipal de Espinho e os seus parceiros, dá continuidade assim à sua missão de promoção das STEAM junto da comunidade escolar e do público-geral, despertando a vontade de inovar, a curiosidade e a imaginação dos mais jovens.